A EscolaEducação

TENHA FILHOS!

TENHA FILHOS!!

 

Tenho ouvido muitas pessoas dizendo NÃO TENHA FILHOS! Se você não tem tempo, não tenha filhos… se você não tem paciência, não tenha filhos… se você não tem dinheiro, não tenha filhos… se for pra deixar o dia todo na escolinha, não tenha filhos… se você ainda quer viajar pelo mundo e trocar de carro a cada dois anos, não tenha filhos…. se você não abre mão da academia e/ou da cerveja com os amigos(as), não tenha filhos….

Mas eu te digo, TENHA FILHOS!!

Se você quer aprender a mágica multiplicação do tempo, aprendendo a fazer mil coisas ao mesmo tempo e ainda perder a noção do tempo ao fazer e receber cocegas ao som de uma gargalhada profunda…. TENHA FILHOS!

Se você quer descobrir que dentro de você moram a paciência, vizinha da tolerância, que divide espaço com a compreensão, que nunca te deram o endereço mas que sempre estiveram ai, a espera da visita doce de… “Vai mamãe, só mais um pouquinho” …”Desculpa papai, eu prometo que eu não vou fazer de novo”… TENHA FILHOS!

Se você quer saber o real valor do dinheiro, entendendo não só com a cabeça e a calculadora, mas com o corpo todo envolvido num abraço apertado, que priorizar significa dar importância maior aquilo que realmente te faz sentido, como por exemplo, uma caixa de papelão gigante, com um monte de peças de plástico dentro, que dependerão de um trabalho em equipe para se encaixar, mas que o resultado final será um profundo “UAUUUUUU… que iraaaaaaado isso que fizemos juntos, neh papai” – acompanhado de um lindo sorriso, é claro; e que, da mesma forma, um saquinho bem pequeno com uma bolinha de borracha (porque hoje, quase não tem de gude), também vem acompanhado de uma alegria genuína… TENHA FILHOS!

Se você quer ter a chance de encontrar um método de ensino que compartilhe dos seus valores, e juntos acompanharem o crescimento de um ser único, especialmente capaz de coisas que você jamais imaginaria, ou daquelas que são exatamente iguais às que você fazia; e que, apesar de todo tempo na escola, faz aquilo que você faz – muito mais do que o que você fala – copiando as falas, o jeito de andar, de comer, de dançar, de vestir…. te lembrando que você é o exemplo, o modelo, a grande referência… TENHA FILHOS!

Se você quer ter a oportunidade de embarcar na maior e mais profunda viajem ao mundo do faz de conta, descobrindo lugares nunca antes nem pensados, seres que nunca foram nem sonhados, provando deliciosos pratos, como sopa de grama, com asa de barata e amoras podres; ou espaguete ao molho de mel com uvas frescas (esse eu já provei de verdade! E aprovei!)… e sem gastar nada, em apenas 5 minutos, e ainda sem precisar de carro nenhum do ano, apenas de uma dose de coragem para sentar no trenzinho de cadeirinhas coloridas…. trazendo na bagagem as melhores lembranças daquilo que você pode ser… TENHA FILHOS!

Se você quer experimentar a maravilhosa sensação de trocar a mesma diária e metódica série de exercícios por uma boa corrida no parquinho, levantamento de bebe banguela e sorridente, agachamento em busca de brinquedos preferidos, salto na corda, apostar corrida até o mar, mergulho bomba de canhão na piscina, empurramento de balanço, e descobrir que nada disso vai mudar muito o seu peso na balança, mas na verdade, vai mudar mesmo a importância que você dará pra esse número, muito menor do que o número de gols no campeonato escolar, numero de passos na primeira caminhada, numero de tentativas ate conseguir espetar sozinho o pedaço de carne, numero de vezes que acordou na madrugada pra medir a temperatura, numero de bolinhas pra aumentar a imunidade…  ah, e sem contar o numero de vezes que você vai preferir um beijo lambuzado de sorvete a sair com os amigos e mesmo assim perceber que seus amigos ainda estarão lá (também preferindo passeios sujos de terra)… TENHA FILHOS!

E se nada disso contar, mas você quiser viver a maior e mais intensa experiência da sua vida, sem chance de volta, mas com a real oportunidade de ser uma pessoa melhor, e poder viver a maior transformação de si mesmo, descobrindo talentos, habilidades, potencias, capacidades e até poderes que não fazia ideia, tendo a deliciosa sensação da loucura que é abrir mão de seus julgamentos, mas não de seus valores, por um outro ser, e de brinde ainda poder sentir uma emoção que eu não vou nem me atrever a tentar descrever aqui, mas que chamam de Amor…. TENHA FILHOS!

Não muitos, para poder dedicar-se de verdade e conseguir plenamente viver tudo isso. Mas não apenas um, para poder ver o quanto maluco é sentir tudo isso de maneiras tão diferentes…. mas tenha, tenha sim, TENHA FILHOS!

Por Janaina Nakahara

 

 

TALVEZ VOCÊ TAMBÉM GOSTE DE

1 COMENTÁRIO

  • Responder
    Avatar
    Helio Pio Diz:

    agosto 25, 2019 at 12:55 pm

    Jana, parabéns pelo lindo texto. Cheio de sensibilidade e sonho. Repleto de coração e razão. Consegue descrever com uma profunda apropriação o ato de ter filhos. Dê um beijo em meu amigo André. Espero que ele seja o melhor pai do mundo para o André e para o Pedro… Hoje sou pai do Theo, que está dentro do TEA, mas que só me dá alegrias e momentos felizes e inesquecíveis…. Mais uma vez parabéns pelo lindo texto. Beijo nos corações da família…

DEIXE UM COMENTÁRIO